O que é Nomadismo Digital? Como se tornar um nômade digital?

Nomadismo Digital
Nomadismo Digital

O Nomadismo Digital é uma forma de descrever pessoas que decidiram trabalhar em modelo home office, de forma resumida. Ou seja, um nômade digital nada mais é do que um trabalhador por conta própria. 

No entanto, há algumas diferenças entre um nômade digital para um colaborador de uma empresa registrado de acordo com a Consolidação das Leis do Trabalho (CLT) que faz home office.  A principal diferenciação é que um nômade digital trabalha por contra própria, sem nenhum vínculo empregatício com uma empresa. 

Há outras formas mais conhecidas de denominar um nômade digital como freelancer, autônomo, trabalhador informal ou trabalhador liberal. Além disso, há outra especificidade em um nômade digital que é uma de suas características mais modernas: um nômade digital trabalha apenas na internet. 

Ou seja, ele só precisa de um notebook e uma conexão estável com a internet para receber suas demandas profissionais e entregá-las também. 

A regra de ouro para ser um nômade digital é que você não precisa de um local fixo para trabalhar. Ou seja, você pode ser um viajante, aventureiro ou apenas uma pessoa que não gosta de ter um local de trabalho fixo.   

Que tipo de profissão um nômade digital pode ter?  

A pandemia da COVID-19 trouxe muitos desafios para o modelo tradicional de trabalho. Por isso, muitos colaboradores foram transferidos para o modelo home office de trabalho. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), pelo menos 11% dos colaboradores migraram para o modelo home office de trabalho.  

Outros dados mais preocupantes também são do IBGE. O desemprego durante a pandemia atingiu 15 milhões de brasileiros apenas no início de 2021. 

Com todos esses dados em mente, é possível entender que o nomadismo digital virou uma opção para desempregados ou mesmo um novo modelo de trabalho para colaboradores que não querem mais ter vínculo empregatício com nenhuma empresa. 

Uma das vantagens e definições de um nômade digital é a possibilidade de mudar de cidade, estado e até de país e continuar seu empreendedorismo. Há muitas opções que até cresceram durante a pandemia para ser um nômade digital, como: 

  • Ter sua própria loja virtual; 
  • Ser um professor; 
  • Trabalhar com as variadas áreas do marketing digital; 
  • Trabalhar com produção de conteúdo para redes sociais como Instagram e Youtube; 
  • Ser um fotógrafo; 
  • Entre outros. 

Portanto, basta você se questionar. Você tem uma paixão e dá para fazer isso de modo online, sem precisar de um espaço físico fixo para atender às demandas profissionais? Se a resposta for sim, então você pode se tornar um nômade digital nessa área. 

Não há regras. Contanto que você só precise de um notebook e conexão com internet para trabalhar, você já pode ser considerado um nômade digital.   

Quais são as vantagens de ser um nômade digital?  

A melhor vantagem de ser um nômade digital é poder trabalhar de qualquer lugar sem ter que conquistar clientes do zero. Outro benefício é que você será seu próprio chefe. Em alguns casos, os nômades digitais possuem suas próprias empresas. 

Dessa forma, você poderá trabalhar quantas horas quiser. Se você quiser viajar para a praia e tiver que trabalhar, tudo manterá seu pleno funcionamento. 

Você também pode conquistar uma renda maior do que um colaborador CLT sendo nômade digital. Basta dedicação, persistência, aprendizado, paciência, uma área profissional, um notebook e uma boa conexão com a internet. Existem também bons sites e apps para ajudar nessa nova vida. 

Como se tornar um nômade digital? 

Apesar das grandes vantagens de ser um nômade digital, você pode encontrar alguns desafios no seu caminho. Por isso, conheça algumas dicas que irão ajudar você a se tornar um nômade digital. 

1.      Identifique uma profissão 

Conforme já dito ao longo do artigo, basta você pensar em uma área de atuação que você gosta, tem conhecimento básico e tem vontade de iniciar como nômade digital. Basta identificar se é realizável ser um nômade digital nessa profissão. 

2.Tenha dinheiro guardado 

No início, a profissão de nômade digital pode ser um pouco desafiadora. Você pode não ganhar o esperado nos primeiros meses. Por isso, é necessário ter uma poupança para ter certeza de que você conseguirá se bancar até ter clientes o suficiente para viver apenas do nomadismo digital. 

3. Procure clientes 

Se a sua ferramenta de trabalho é a internet, procure por clientes nela mesma. Há plataformas como o 99freelas ou o Workana que podem ajudar você a conseguir clientes nas áreas de: 

  • Administração e Contabilidade; 
  • Advocacia; 
  • Atendimento ao Consumidor; 
  • Design & Criação; 
  • Educação e Consultoria; 
  • Engenharia e Arquitetura; 
  • Escrita; 
  • Fotografia e Audiovisual; 
  • Suporte Administrativo; 
  • Tradução; 
  • Vendas e Marketing; 
  • Web, Mobile e Software. 

Essas são apenas algumas opções para você captar clientes, dependendo da área que você escolheu atuar. Também vale fazer seu portfólio online e enviar para empresas e pessoas que podem contratar você. 

Caso sua área seja completamente diferente, aposte na internet para encontrar plataformas em que você possa disponibilizar seus serviços. 

  

4.     Faça cursos de atualização 

Uma das melhores maneiras de aperfeiçoar seu trabalho na área escolhida é fazer cursos de atualização pela internet mesmo. Considere que a internet será sua principal ferramenta quando você virar um nômade digital. 

Procure por cursos que estejam em alta em sua área de atuação. Vale pesquisar vagas de freelancers, autônomos, profissionais liberais e informais pela internet. Há muitas plataformas como as já citadas no artigo que podem dar uma base dos que seus clientes estão buscando em sua área. Depois de entender isso, busque por cursos de atualização que estão em alta procura.  

Vale também atualizar seu portfólio. Ser um nômade digital não significa que você não terá mais que se atualizar mais. O processo é o inverso. Como você terá que captar clientes sozinho, quanto mais experiência e conhecimento você tiver para oferecer, melhor será. 

  

5.     Tenha um notebook de qualidade 

 O notebook será sua principal ferramenta de trabalho. Em alguns casos, como edição de fotografias ou mesmo para criar conteúdo para o Youtube, será necessário investir em um notebook mais potente. Por isso, antes de embarcar no nomadismo digital, já pesquise na internet qual o melhor tipo de notebook para sua área de atuação e invista em um notebook perfeito para suas atividades profissionais.  

en_USEnglish